Como criar uma automação de marketing digital

Pouca gente que está começando no marketing digital, seja como produtor, seja como afiliado ou como negócio sabe como criar uma automação de marketing digital. Talvez pela falta de experiência ou até mesmo pela alta complexidade de algumas ferramentas, mas o fato é que perdem uma oportunidade incrível de criar uma verdadeira máquina de vendas nos seus processos.

Neste breve artigo, falaremos um pouco mais sobre como começar, quais processos automatizar e mesmo como escolher a ferramentas mais adequada para a sua realidade.

O que é uma automação de marketing digital?

Primeiramente é preciso entender que muitos processos do marketing digital possuem possibilidades de automatizações, porém o foco do nosso artigo será na automação de marketing digital que levem às conversões, as vendas, aos resultados!

Sendo assim, desde já, falaremos de todo o processo de meio e fundo de funil, ou seja, não falaremos de automações para conquistar visitantes, como em redes sociais, websites e afins.

Logo, explicamos que automação de marketing digital é qualquer processo que reduz o esforço humano manual em uma ou mais etapas do funil de vendas/conversões. Aliás, você conhece bem todas as etapas do funil? Se não, vamos explicar.

O Funil de Conversão e Vendas dos Negócios Digitais

É importante lembrar que existem muitos funis de conversão e vendas, existentes nos negócios digitais. No caso abaixo, por exemplo, existem 4 etapas: visitantes, leads, oportunidades e clientes, mas por mais que mudem, um conceito é interessante carregar de todos: existe o topo, o meio e o fundo de funil.

Funil de Vendas e Marketing Digital

O que fazer em cada etapa do funil?

Pense em um funil qualquer. Qual seria uma característica marcante de um funil? Ele começa largo e termina bem mais estreito, não é verdade? Pois bem, assim também é em um funil de automação de marketing digital.

Em suma, mas o que fazer em cada etapa do funil?

No topo, etapa onde se tem a maior entrada de dados, as estratégias são geralmente voltadas para atrair pessoas e conseguir cadastros, ou seja, conquistar visitantes dentro de um público geral e transformá-los em Leads, verdadeiros interessados no seu produto ou serviço. Isso se dá tanto pelas redes sociais ou buscadores, como Google e Bing, mas também pode ocorrer através de anúncios, por exemplo.

No meio do funil, quando os visitantes já estão transformados em Leads, logo o maior objetivo será criar um maior interesse nesta base, a fim de fazê-los considerar o seu produto ou serviço, como solução do seu problema.

Dessa forma, fica fácil entender qual é a última etapa do funil: transformar os interessados em clientes! Para tal, as melhores soluções são voltadas a fazer uma oferta adequada para esta base e de preferência que não dê tanto trabalho manual.

Como automatizar o funil e criar uma máquina de vendas?

Nessa hora não tem jeito, não há uma opção melhor do que contratar uma ferramenta de automação de marketing! Soluções como a Leadlovers, startup brasileira que integra página de captura ou vendas às campanhas de e-mail marketing, são as melhores alternativas.

Mas antecipadamente é interessante ressaltar que cada ferramenta tem uma característica, uma linguagem e forma de trabalhar. Logo, não existe uma habilidade técnica que seja ensinada para manusear todas elas, sendo assim, não se preocupe, pois todas possuem materiais didáticos e são de muito fácil entendimento, com campos “drag in drops” (arrastar e soltar) e até formatos já pré-concebidos de páginas e e-mails.

Estas ferramentas são as melhores maneiras de automatizar o funil e podem criar verdadeiras máquinas de vendas para seu negócio digital. Além disso, se integram com quase todas as ferramentas principais de mercado, como: wordpresshotmartfacebook e até entre elas (as concorrentes).

Quanto custa uma ferramenta dessas?

Definitivamente, os valores podem variar, mas quanto custa uma ferramenta dessas?

O RD Station, por exemplo, ferramenta da Resultados Digitais e uma empresa brasileira também, até possui planos “populares”, a partir de R$59,00. Porém, a média de valores de uma assinatura mensal, fica em torno de R$200,00 em um negócio considerado de pequeno a médio.

Já a Leadlovers possui planos que variam de R$110,00 a R$190,00 mensais, porém possuem alguns diferenciais que podem conquistar o usuário, como:

  • Prazo de garantia, onde você pode cancelar a assinatura, dentro de um determinado prazo, caso não lhe atenda ou não goste e ainda ter o valor investido de volta.
  • Área de membros EAD própria, que pode ser muito útil para quem é produtor digital e quer lançar seu próprio curso.
  • Integrações como SMS e WhatApp para envio de mensagens para sua base de Leads e interessados, além dos próprios e-mails, claro.

Enfim, é importante testar e nesse quesito a Leadlovers sai na frente, por conta deste prazo de garantia. No entanto, você pode nos mandar uma mensagem e descobrir outras indicações nossas.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram